Os cuidados com idosos no inverno

Por GB Edições - 04/06/2015
0

Os cuidados com idosos no inverno

Como é sabido, as chamadas “doenças de inverno” sempre causam preocupações no que se refere aos idosos. Dores nas articulações, aumento das alergias, gripes e outros problemas de saúde nos idosos são comuns nesta estação. Por ser uma fase especial da vida e estarem mais suscetíveis, eles precisam de atenção redobrada.

Familiares e cuidadores devem ficar atentos com as dores na terceira idade. Infelizmente, é habitual associar as reclamações com a idade e, em algumas situações, só levarem o idoso a um especialista quando o problema agrava. Por isso, é preciso observar e prevenir o quanto antes, orientam os geriatras.

No caso de dores nas articulações, potencializadas com a chegada das baixas temperaturas, entre as recomendações estão atividades físicas como recreações e caminhadas de 15 a 30 minutos regulares, porém, com exercícios de alongamento para não correr risco de lesões. O ideal é que seja praticado ao ar livre e deve-se evitar o sol depois das 9 horas, inclusive no inverno.

É fundamental observar que qualquer prática de exercício precisa de orientação e acompanhamento de profissional na área. O Pilates é uma excelente alternativa de exercícios também para idosos. A prática promete aumentar a flexibilidade muscular, melhora o equilíbrio e a coordenação motora, melhora a mobilidade das articulações, entre outros. Lembrando que é imprescindível uma avaliação médica antes de aderir a pratica.

Outro item importante que merece atenção de filhos e cuidadores, agasalhos adequados são essenciais para manter os idosos aquecidos. A explicação é que na fase da Terceira Idade, o organismo humano reduz a capacidade de regular sua própria temperatura, por isso, as trocas de calor, que normalmente levam o sangue para todas as partes do corpo e aquecem os tecidos, ficam prejudicadas e fazem com que os idosos sintam mais frio que os jovens. Entre as causas das dores estão o encolhimento do corpo (tremor), provocado pela sensação de frio, a redução do fluxo sanguíneo por causa da constrição das veias e a saúde debilitada. Porém, não é a única enfermidade que merece atenção quando o assunto é o idoso.

A vacinação contra a gripe é outra boa oportunidade de prevenção. Feita pelo Sistema Único de Saúde (SUS) e por clínicas particulares, contribui para melhorar a qualidade de vida, sem contar que diminui muito a possibilidade de o idoso contrair pneumonia.

De forma geral, as pessoas sentem menos sede nos meses do inverno. Quanto ao idoso, deve-se cuidar que ele ingira água diariamente e também prevenir lesões na pele com o uso de hidratantes específicos; algumas vezes é necessário produtos específicos, sem perfume e acrescido de substâncias extras porque a pele do idoso tende a ser mais sensível.

Vale dizer que a atenção com a Terceira Idade deve ser constante. Familiares devem se mobilizar e se auxiliarem mutuamente nos cuidados a vovó e ao vovô.

COMPARTILHE

NÃO HÁ COMENTÁRIOS PUBLICADOS

IMPORTANTE: O Click Riomafra não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários publicados pelos seus usuários. Todos os comentários que estão de acordo com a política de privacidade do site são publicados após uma moderação.

ENVIE UM COMENTÁRIO