Centro Educativo Itaiópolis exibe aos professores curta-metragem chamado “O Projeto nove”, de Mateus Bonez

Por Assessoria - 26/10/2020

Na última quarta-feira (21), o Centro Educativo Itaiópolis recebeu os professores (com todos os cuidados exigidos) para a exibição do filme produzido pelo nono ano vespertino e professor Mateus Bonez.

- CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE -

O filme é um curta-metragem trabalhado na matéria de inglês que fala sobre a vida em pandemia e sobre o que eles querem e esperam para o futuro. E acima de tudo um agradecimento e uma carta de amor para os professores. Os alunos passaram por algumas etapas de roteiros e escrita. Os vídeos foram enviados via WhatsApp e gravados em suas casas. Usando diversos aplicativos, como Tik Tok, Instagram, Inshot e todos os que envolvem edição, falando sobre suas rotinas e em como eles estão levando a vida nessa época complicada.

O Projeto Nove é algo que vem desde 2015 sendo a diferença no trabalho de Mateus Bonez, por isso, a epidemia não seria empecilho para que o de 2020 acontecesse. O objetivo geral desse projeto é preparar os alunos para a entrada do Ensino Médio, e mexer com seu intelecto criativo e artístico.

Falando no meu último ano no ensino fundamental, eu ainda nem acredito que estou no nono ano e que ano que vem vou para o ensino médio. Quando eu era menor, não gostava dos alunos dos últimos anos da escola, pois sempre achei que eles se achavam os donos da escola e que ficavam se gabando já que logo iam sair de lá; agora vejo que me tornei um deles. Bem o que espero do primeiro ano é que provavelmente vai ser mais complicado em relação às matérias, e que também logo devo me preparar para fazer um vestibular caso eu queira entrar para uma faculdade. Esses anos do 1° ao 9° ano foram bons, e sou muito grata aos professores por tudo que me ensinaram, desde a ler até a descobrir qual é o valor da hipotenusa. É complicado pensar que vou ter que me separar de vários colegas de classe que estão comigo desde o primeiro ano, e dos professores que são os mesmos desde o sexto, e começo até a sentir falta mesmo que ainda estou com eles. Vejo que o ensino médio não vai ser igual ao High School dos filmes americanos e isso me deixa mais curiosa sobre como vai ser. A vida é feita de fases e logo essa que presencio vai acabar, dando lugar à outra.  Vou sentir falta? Claro que vou. Mas sei que ela foi muito boa e que valeu a pena”. Anna Flavia Iglikovski – 9º Ano

- CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE -

THE NINE PROJECT

Direção Geral: Professor Mateus Bonez
Roteiros de: Bettina Wagener, José Eduardo Cardoso, Vinicius Wozniak Pickcius.
Apoio Pedagógico: Ivanil L. Wagner,
Vânia Costa Semmer.
Direção Escolar: Ivanil L. Wagner.
Apoio Escolar: Angelica Schmokel, Dirlei Ruske e Paula Semmer.
Realização: Centro Educativo Itaiópolis – Gravado na primavera de 2020.

Ana Luiza Cislinski
Anna Flávia Iglikovski
Bettina Wagener
Bruna Fernanda Lourenço
Carlos Felipe M. F. Ferreira
Eduardo Buba Artin
Eduardo Corso da Rosa
Fabrício Renan Plautz
Gabriel Schmokel
Gabrieli Schmokel
Gisele Niedlzelski
Iohana Kobren Cardoso
José Eduardo Cardoso
Laísa Stocco Zanelatto
Lucas Eduardo B. da Silva
Maria Eduarda Koppe
Maria Rosalia Magueroski
Mateus Wieleswski Weiss
Matheus Grossel
Rafaelli Hirte
Sabrina Wanescki Ribovski
Sthefani Camily de Mello
Vinicius Wozniak Pickcius
Yasmin F. Crossara

AGRADECIMENTOS: Com todo amor para os professores do Centro Educativo Itaiópolis, que todos os anos me recebem com muito carinho. É uma caminhada difícil em tempos de pandemia e estamos dando nosso melhor como seres humanos e como profissionais da Educação.  Esse filme é minha declaração de amor a vocês. Minha carta de amor. Podendo mostrar a criatividade desses alunos que se tornaram tão especiais. Cada um à sua maneira, cada um fazendo sua performance com o que dispunha em suas casas. Agradeço também aos pais que apoiaram esse projeto ajudando seus filhos nas gravações e dando todo o suporte que precisávamos. Meu coração é grato e sem dúvidas, os coraçõezinhos desses “serzinhos” maravilhosos que toparam minha arte e minha loucura também se mostram gratos. Dedico também essa obra aos meus mentores educandos, que são fantásticos e sempre me ensinaram a dar valor para a criança de uma forma que possa a fazer explorar o que tem dentro de si, seus sonhos, suas expectativas para um futuro melhor e que ele venha, estamos preparados! 

Com carinho e arte, Mateus Bonez.

Para Lorentina, Minha Avó (1933-2020).

- CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE -

“As crianças sempre serão o futuro, uma réstia de esperança face a uma humanidade cada vez mais decadente. (D.P)”

- Publicidade -
COMPARTILHE

PUBLIQUE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite o seu comentário.
Por favor, informe o seu nome.