Itaiópolis prorroga a campanha de vacinação contra a poliomielite e multivacinação

Por Gazeta de Itaiópolis - 31/10/2020

Santa Catarina vai prorrogar por mais duas semanas as Campanhas de Multivacinação e Vacinação contra a Poliomielite, que segue até o dia 13 de novembro em todos os 295 municípios catarinenses.

Nas primeiras três semanas de Campanha, entre os dias 5 e 23 de outubro, foram vacinadas contra a poliomielite no Estado 168.825 mil crianças com idade entre 1 e menos de 5 anos, de um público-alvo de 342.825 crianças, ou seja, aproximadamente a metade do total de crianças que deveriam ter sido vacinadas.

- CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE -

O Brasil não detecta casos de poliomielite (paralisia infantil) desde 1990 e em 1994 recebeu da Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS) a Certificação de área livre de circulação do poliovírus selvagem do seu território. Em Santa Catarina, os últimos registros da doença foram em 1989. Por isso é tão importante vacinar o maior número possível de crianças dentro da faixa etária.

8 salas de vacina

Em Itaiópolis, pais ou responsáveis pelas crianças de um ano a menores de cinco anos (4 anos, 11 meses e 29 dias) e adolescentes menores de 15 anos (14 anos, 11 meses e 29 dias) devem procurar uma das 10 salas de vacina credenciadas.

Itaiópolis conta com 08 salas de vacina credenciadas. O importante é levar a carteirinha de vacinação da criança ou do adolescente. O horário de atendimento é de segunda a sexta-feira, das 8 às 17 horas.

- CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE -

As salas estão alocadas nas seguintes Unidades de Saúde da Família:

  • ESF – Central – Centro – Rua Alfredo Fernandes Luis nº 105. 3652-1676
  • ESF Contagem Worell – Localidade de Contagem Worell.
  • ESF – Poço Claro – Localidade de Poço Claro
  • ESF – Bom Jesus – Engilberto Linzmeyer – 3652-2424
  • ESF – Vila Nova – 3652-1943
  • ESF – Lucena – Pedro Ivo Campos – 3652-1201
  • ESF – Paraguaçu – Anita Ruthes Andrejevski – 3652- 2749
  • ESF – Distrito de Itaió – SC 477 km
  • ESF – Moema – SC 477km As medidas de prevenção recomendadas pelo Ministério da Saúde foram reforçadas para o período de vacinação nas ESFs, com a administração das vacinas sendo realizada em áreas bem ventiladas e desinfetadas com frequência. Os usuários têm a disposição local para lavagem adequada das mãos ou acesso ao álcool gel 70% ou desinfetante similar. Também está limitado número de familiares que podem acompanhar a pessoa que será vacinada (apenas um acompanhante) e as equipes estão realizando a triagem de pessoas que apresentem sintomas respiratórios antes da entrada na sala de vacinação.

- Publicidade -
COMPARTILHE

PUBLIQUE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite o seu comentário.
Por favor, informe o seu nome.