Proerd forma 318 alunos em Itaiópolis

Por Gazeta de Itaiópolis - 15/07/2019

A solenidade de formatura contou com a presença dos familiares dos alunos e de autoridades municipais.

- CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE -

No último dia 5 – sexta-feira – foi realizada a formatura do Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência (Proerd). 318 alunos do 5º ano do ensino fundamental de Itaiópolis se formaram.

Os instrutores do Programa foram o sargento Everton Silvano Cidral e o soldado Fabio Renato Maurer Marques.

Alunos destaques de cada turma receberam um mascote do Programa – o Leãozinho Daren – como premiação. A escolha dos alunos destaques foi feito através da avaliação de uma redação feita por eles.

A formatura foi encerrada com a presença do mascote leão Daren e com a canção do Proerd.

PROERD/SC

O Programa Educacional de Resistência às Drogas e à VIolência – Proerd consiste em um esforço cooperativo estabelecido entre a Polícia Militar, a Escola e a Família.

Tem por objetivo de capacitar jovens estudantes de informações e habilidades necessárias para viver de maneira saudável, sem drogas e violência.Secundariamente se propõe:

a) Trabalhar sobre as causas do uso de drogas lícitas e ilícitas estabelecendo sobre os riscos decorrentes da dependência química e orientando as crianças, adolescentes, assim como seus pais ou responsáveis, acerca da busca de soluções e medidas eficazes quanto à resistência às drogas;
b) Fortalecer a auto-estima das crianças e adolescentes a valorizarem a vida, mostrando opções saudáveis de comportamento, longe das drogas e da violência;
c) Sensibilizar as crianças e adolescentes para valores morais e éticos, possibilitando a visualização, bem como proporcionar a construção de uma sociedade mais justa, sadia e feliz;
d) Disponibilizar aos pais e/ou responsáveis ferramentas para que, quando questionados sobre os efeitos negativos das drogas, possam atender às expectativas, bem como mostrar a importância do fortalecimento da estrutura familiar;
e) Prevenir a criminalidade relacionada direta ou indiretamente ao uso de drogas;
f) Disponibilizar aos Policiais Militares técnicas pedagógicas adequadas para aplicação do programa para crianças, adolescentes e para pais e/ou responsáveis;
g) Ensinar e aprofundar os conhecimentos dos Policiais Militares quanto às drogas lícitas e ilícitas, questões legais sobre o tema e como proceder quando da constatação de alguma forma delituosa dentro e nos arredores do ambiente escolar;
h) Aproximar a Polícia Militar da comunidade escolar, e por conseqüência da comunidade em geral. Proporcionando um clima de parceria e confiança, gerando informações tornando possível um melhor atendimento aos anseios sociais, bem como mostrar a importância do papel social da corporação.
i) Desenvolver o programa, da Polícia Militar, de prevenção primária ao uso das drogas, alertando sobre os malefícios causados à saúde física e mental do usuário das referidas substâncias.

- Publicidade -
COMPARTILHE

PUBLIQUE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite o seu comentário.
Por favor, informe o seu nome.