Celesc divulga nota sobre a paralisação

Por Redação Click Riomafra - 17/09/2019
Foto: Divulgação

No início da tarde desta terça-feira a Celesc enviou para a imprensa uma nota sobre a paralisação. Leia na íntegra:

A Diretoria da Celesc informa que, desde o início das negociações do Acordo Coletivo de Trabalho 2019-2020, tem se pautado em levar ao empregado informação clara, objetiva e responsável a respeito dos argumentos que subsidiam a proposta que vem sendo apresentada aos Sindicatos representantes.

É sabido que o processo negocial envolve diversas fases e é construído rodada a rodada, até que se chegue à proposta final. Por este motivo, a Empresa considera inoportuna a paralisação de parte dos empregados deflagrada nesta data, tendo em vista, inclusive, que já reafirmou, aos sindicatos, o compromisso de apresentar, na reunião de hoje, novas propostas para as cláusulas ainda em discussão.

A Diretoria da Empresa pondera, ainda, que a discussão dos Acordos Coletivos de Trabalho na Celesc são fundamentais para a manutenção da Celesc Pública, que precisa ser cada dia mais eficiente, oferecendo serviços de mais qualidade e a custos menores.

Nos últimos anos muitas adequações foram realizadas na Empresa nesse sentido, porém ajustes ainda precisam acontecer. São mudanças importantes, que passam, também, pela redução de benefícios concedidos aos empregados e que a discussão sobre esse tema se acalora ainda mais durante as negociações do Acordo.

A Empresa lamenta o fato de a mobilização de hoje ter sido deflagrada antes do fim das rodadas. Todavia, mantém-se atenta à manutenção do contingente mínimo para atendimento de ocorrências de emergência e os serviços essenciais estarão disponíveis nos canais digitais da Empresa, por meio da Agência Web, disponível em celesc.com.br; no APP Celesc e pelos números 0800 48 0120 (serviços comerciais) e 0800 48 0196 (emergências na rede elétrica). Faltas de energia também poderão ser registradas por SMS para 48196 com a mensagem SEM LUZ + número da unidade consumidora.

PARALISAÇÃO EM TODO O ESTADO

Conforme deliberado em assembleias realizadas no final da semana passada, os trabalhadores da Celesc de todo o estado realizam paralisação nesta terça-feira, dia 17 de setembro. A paralisação de 24 horas é em protesto a postura da empresa nas negociações do Acordo Coletivo de Trabalho 2019/20.

Segundo a Intersindical dos Eletricitários de Santa Catarina (Intercel), a diretoria da Celesc manteve a lógica de ataques aos direitos dos trabalhadores e à organização da categoria. As cláusulas de maior impacto e que foram atacadas na última rodada, como a Garantia de Emprego, Reajuste Salarial e Auxílio-alimentação não foram debatidas e a empresa manteve para a próxima rodada a proposta de redução de salário, retirada de direitos e demissão de trabalhadores. Esta nova rodada acontece exatamente nesta terça-feira, dia 17.

A empresa também ataca a representação dos trabalhadores. Isto para a Intercel, intersindical que representa os trabalhadores em todo Estado, é o retrato do desrespeito com a categoria e da ganância privatista da nova gestão da Celesc. Em quatro rodadas de negociação, a pauta de reivindicações dos trabalhadores foi desrespeitada e atacada, sem nenhum avanço. Com o Acordo muito longe de uma proposta que possa ser aprovada, os trabalhadores começaram a mobilização em defesa de seus direitos.

Caso não haja êxito nas negociações, haverá assembleia na quinta-feira com indicativo de greve com início no próximo dia 23, por tempo indeterminado.

- Publicidade -
COMPARTILHE

PUBLIQUE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite o seu comentário.
Por favor, informe o seu nome.