Plano de Desenvolvimento do Turismo será lançado dia 20 em Mafra

Plano de Desenvolvimento Integrado do Turismo Sustentável (PDITS) foi elaborado pelo SEBRAE e visa principalmente o desenvolvimento do turismo de forma integrada e sustentável

Por Gazeta de Riomafra - 15/02/2020

A cidade de Mafra sempre se destacou na região pelo comércio forte, com resultados que impactam positivamente na economia. A administração municipal, constatando que Mafra é referência comercial para outras cidades da região viu também no turismo nicho com potencial a se desenvolver. A partir daí, buscou uma instituição/empresa apta para elaborar o Plano de Desenvolvimento Integrado do Turismo Sustentável (PDITS) do município. E na próxima quinta-feira, dia 20, às 19 horas, no auditório da Amplanorte acontece o lançamento.

DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL

O Plano de Desenvolvimento Integrado do Turismo Sustentável foi elaborado pelo SEBRAE/SC, contratado por meio do processo licitatório nº 578/2019, modalidade Dispensa por Justificativa nº 025/2019, no valor de R$ 32.600,00. A Secretaria Municipal de Governo, Desenvolvimento Econômico, Turismo e Cidadania viu no plano uma ferramenta para planejar e estruturar o desenvolvimento da economia de turismo.

Conforme descrito na proposta, o PDITS tem como objetivo principal o desenvolvimento do turismo de forma integrada e sustentável, associado à valorização cultural, à preservação ambiental e a participação comunitária, tendo como resultado final a geração de emprego e renda. Além disso, o plano se constitui no orientador básico dos futuros investimentos na atividade turística da região, tanto no que se refere ao poder público, quanto em relação a possíveis parcerias e investimentos do setor privado.

O secretário da pasta, Marco Antonio Neidorf, destaca que “as parcerias são fundamentais para o desenvolvimento do turismo e Mafra”. Ele reforça ainda: “a parceria entre os entes é uma alternativa viável para ambos, sem que isso afete as garantias e princípios da administração pública”.

Já o prefeito de Mafra, Wellington Bielecki, destaca que o PDITS traz possibilidades para o município na geração de emprego e renda, além de atrair mais visitantes para a cidade. “Mafra não deve ser apenas um local de passagem do turista, deve atraí-lo de todas as formas. O nosso comércio é forte, a nossa agricultura é forte e, com o início do projeto urbanístico do Parque do Passo, um dos nossos orgulhos municipais, estamos trazendo para a cidade áreas de lazer que geram novos atrativos do ponto de vista turístico”, finalizou.

- Publicidade -
COMPARTILHE

PUBLIQUE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite o seu comentário.
Por favor, informe o seu nome.