Coronavírus em Quitandinha é considerado de transmissão comunitária

Em apenas duas semanas os casos foram de dois para 19 até a data de ontem 21. Segundo o poder público local, houve um relaxamento da população com relação aos cuidados preventivos da doença, como sair de máscara, evitar aglomerações principalmente nos últimos dois feriados

Por Gazeta de Quitandinha e Campo do Tenente - 22/05/2020

Segundo o poder público do município de Quitandinha, apesar de todos os esforços e cumprimento regido do decreto estadual e municipal bem como todas as recomendações das instituições de saúde, parece que não está havendo uma conscientização, muito menos, colaboração por grande parte da população local, principalmente de algumas localidades do interior. Foram recebidos diversas denúncias de festas particulares, encontros de grande quantidade de pessoas. Com isto o município já chegou ao 15º caso.

Foram abertas duas linhas de comunicação e denúncia para que o cidadão denuncie aqueles que ferirem o que determina o último decreto municipal nº 1.332/2020, que prevê inclusive sanções para o cidadão que descumpri-lo.

Também segundo o executivo, horários de funcionamento foram restringidos, fiscalização mais pesada, várias novas campanhas de conscientização, “tudo numa tentativa de chegar a um meio termo coeso entre o que precisamos fazer para evitar a disseminação da doença, sem prejudicar as pessoas e os serviços”, reclama fonte do executivo local.

As regiões de Campina, Pangaré, Cai de Cima e Salso são as mais afetadas pela doença. Porém, a Secretaria de Saúde de Quitandinha reforça que a transmissão já está em fase comunitária, portanto, o Coronavirus já é uma realidade em todo o nosso município, e os cuidados para que a doença não se dissemine são os mesmos para todos nós, em todo o nosso território. Alerta!

Novo caso

Em apenas duas semanas os casos foram de dois para 19 até a data de ontem 21. O último caso é de um homem, na faixa de 60 a 70 anos, com quadro sintomático estável, sem maiores complicações. O paciente é considerado caso novo, pois não é pertencente de nenhum núcleo familiar dos que já estavam infectados.

O protocolo da Vigilância estabelece que, além do atingido pela doença, todos as pessoas com convívio próximo ao infectado mantenham o isolamento total. Assim sendo, desde quando foram considerados suspeitos, os pacientes já estavam em isolamento e tomando todos os cuidados necessários para evitar a disseminação da doença.

CUIDADO REDOBRADO

Pulamos de dois para 15 casos confirmados em APENAS DUAS SEMANAS, e isso é reflexo direto do cumprimento e comprometimento de todos nós no combate à doença.

Sabemos que é difícil, mas o isolamento social é a principal medida tomada justamente pela dificuldade em mapear a doença, para que o sistema de saúde possa identificar onde ela realmente está.

Então, para evitar a disseminação e o contágio, a Prefeitura apela para que seus munícipes fiquem em casa, que sigam as instruções de higiene e só saiam se for extremamente necessário.

Só assim podemos continuar o combate à doença, que agora é realidade no nosso município. Somente juntos podemos vencer mais essa! Alerta o executivo de Quitandinha.

Quitandinha até o fechamento desta edição tinha 10 casos confirmados, 2 recuperados, 13 seguem em tratamento, 19 suspeitos e 75 descartados, felizmente sem nenhum óbito até o momento.

REGIÃO METROPOLITANA (RMC)

Até o fechamento desta edição, apuramos os casos na região metropolitana de Curitiba, já são 1277 casos no total. As cidades vizinhas, da região, Quitandinha, Agudos do Sul, Campo do Tenente, Contenda, Fazenda Rio Grande, Mandirituba, Lapa e Rio Negro, somam: 100 casos contra os 58 casos da semana passada 5 óbitos e 37 casos recuperados.

Quitandinha continua em 2º lugar em casos da região com 150, perdendo apenas para o município de Fazenda Rio Grande com 28 casos. O vizinho município de Rio Negro teve um aumento de 5 casos em uma semana, passando de 5 para 10 casos e primeiro óbito. O município de Piên que até o momento não tinha nenhum caso, nesta semana foi registrado o primeiro caso. Já Campo do Tenente continua com apenas 1 caso que já foi recuperado, 4 suspeitos e 13 descartados, sem nenhum óbito até o momento.

- Publicidade -
COMPARTILHE

PUBLIQUE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite o seu comentário.
Por favor, informe o seu nome.