Mais produtores rurais devem ter seus imóveis regularizados em Quitandinha

O processo de incentivo à regularização fundiária terá as despesas todas custeadas pela Secretaria de Agricultura Familiar e Cooperativismo do Governo Federal

Por Gazeta de Quitandinha e Campo do Tenente - 07/05/2019

Cerca de 120 famílias devem ter seus imóveis regularizados em Quitandinha. Por meio de parceria entre a Prefeitura, o Instituto de Terras, Cartografia e Geologia do Paraná (ITCG/PR) e a Emater/PR, o serviço será concedido gratuitamente a produtores rurais de baixa renda, que residem na área rural e preenchem os requisitos exigidos pelo Instituto.

O processo de incentivo à regularização fundiária terá as despesas todas custeadas pela Secretaria de Agricultura Familiar e Cooperativismo do Governo Federal e deve começar já em maio, com o treinamento da equipe da Prefeitura que vai realizar os cadastros dos interessados.

“Grande parte dos proprietários de imóveis rurais do nosso município não tem toda a documentação que comprove a titularidade. Muitos casos vindos de herança ou documentação muito antiga, o que impossibilita acesso a financiamentos e demais benefícios”, explica o secretário Municipal de Agricultura e Meio Ambiente, Matheus Gavlak.

“A regularização é importante para o pessoal ter seus documentos atualizados e assim conseguir financiamentos no banco. Agradeço muito à equipe do ITCG que está ajudando. Porque várias pessoas não conseguem arcar com todos os custos. Em breve vão ser beneficiadas 59 famílias da Água Clara e agora outras vão ser ajudadas também”, complementa a Prefeita Maria Julia.

- Publicidade -
COMPARTILHE

PUBLIQUE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite o seu comentário.
Por favor, informe o seu nome.