Fique atento aos sintomas da hérnia cervical

Por Assessoria - 19/12/2018

Sensação de formigamento, dormência e dor no pescoço que pode se espalhar para os ombros, braços e mãos. Esses são os principais sintomas da hérnia de disco cervical – deslocamento de parte do disco intervertebral que é a região entre uma vértebra e outra. A causa geralmente é o desgaste da coluna e a má postura.

O médico ortopedista e traumatologista, Joaquim Reichmann, explica que nos casos mais graves também ocorre redução da força muscular e dificuldade para movimentar o pescoço. Conforme o grau de deslocamento, a hérnia de disco não causa sintoma ou pode passar a comprimir um nervo, provocando as dores.

De acordo com o médico, o tratamento é feito com base na avaliação da localização, gravidade dos sintomas e grau de compressão dos nervos da coluna. “Na fase inicial da doença, o repouso, analgésicos, anti-inflamatórios e fisioterapia são as principais indicações”. Em algumas situações, o colar cervical é utilizado para evitar movimentos bruscos do pescoço.

Na fase mais crônica da doença o tratamento é mais intenso e é feito com o uso de analgésicos para aliviar as dores e relaxantes musculares. A orientação é evitar situações que provocam mais dor como trabalho físico, permanecer muito tempo na mesma posição ou movimentos pesados.

Outros aspectos importantes incluem massagens de relaxamento dos músculos do pescoço; aplicação de compressas quentes na região dolorida; correção da postura para tentar reduzir a compressão das raízes; alongamento para melhorar os movimentos do pescoço; exercícios para fortalecimento dos músculos das costas; praticar atividades como caminhadas, hidroterapia e pilates.

Reichmann destaca que se os sintomas persistirem, a recomendação é fazer cirurgia para retirar a hérnia e descomprimir a coluna cervical. Também pode ser realizada uma fusão das vértebras afetadas ou inserção de uma prótese de disco.

HÉRNIA

A hérnia de disco ocorre quando um fragmento da parte interna do disco (núcleo pulposo) escapa por meio de uma ruptura na camada externa, chamada anel fibroso. É como se a espuma de uma almofada saísse por um defeito na costura da capa.

- Publicidade -
COMPARTILHE

PUBLIQUE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite o seu comentário.
Por favor, informe o seu nome.