Viagens de cruzeiro: Cinco dicas para principiantes

Por Assessoria - 31/01/2019

Para quem nunca viajou de cruzeiro, mas quer fazer sua primeira viagem em breve, separamos algumas dicas que vão te ajudar a saber como prosseguir com os procedimentos de embarque e desembarque, alimentos e bebidas, dinheiro e tudo o mais. Para que sua viagem de cruzeiro em 2019 seja um sucesso, é bom sempre acompanhar nossas dicas.

Já começou a fazer as malas?

Bagagem: Em geral estamos acostumados com os limites de bagagem do avião e não temos idéia de como funcionará em seu cruzeiro para 2019. Pois bem, você vai ter em média, direito a 90Kg. É muita bagagem que você vai poder levar nessa viagem. Um outfit por noite e ainda sobra espaço para uma porção de presentinhos que você vai se dar e aos amigos queridos também. Fique atenta no embarque para entregar sua bagagem, já lacrada e com cadeado, a um funcionário da empresa com uniforme e identificação. Elas precisam estar etiquetadas com adesivos recebidos junto ao voucher, pelo passageiro. Então ao receber os papéis de embarque do cruzeiro, lembre-se de procurar pelas etiquetas para a identificação da bagagem e talvez até colocar uma fitinha que facilite o reconhecimento delas. As malas estarão em frente da sua cabine, esperando por você ao embarcar.

Alimentos: Ao embarcar se certifique de não ter comidas ou bebidas dentro da sua bagagem .Os funcionários do cruzeiro estão autorizados a desfazer-se desses ítens caso encontrá-los. Até o pacote mais básico oferece café da manhã, almoço, lanche e jantar. Então eles têm esse cuidado de não permitir que entrem outros alimentos que não sejam os que eles oferecem lá dentro. Óbvio que existem exceções como por exemplo no caso de bebês. Muitas vezes o bebê precisa de uma fórmula específica, papinhas e comidas que muito provavelmente o navio não vai ter disponível. Nesse caso, entre em contato com a administração do cruzeiro e informe a situação. Para casos específicos como esse, é permitido que você leve o que necessita para o seu conforto.

Dinheiro: Geralmente os cruzeiros trabalham com Dólar na América do Sul, Caribe e Estados Unidos e com Euro na Europa e demais localidades. É sempre bom levar um pouco de dinheiro em espécie, caso você queira participar do cassino mas em geral tudo será computado no seu cartão de crédito registrado no embarque. Por segurança e praticidade, as empresas já fazem esse registro no começo da viagem para facilitar no momento do desembarque. Outra opção que eles oferecem ao invés de colocar o cartão de crédito internacional é fazer um depósito caução de 50 Dólares por noite, mas em geral, as pessoas preferem cadastrar seu cartão de crédito, que facilita depois qualquer questão.

Idioma: Para quem não fala nem inglês nem espanhol, não se preocupe. Nos cruzeiros sempre vai ter pelo menos um funcionário que fale português para que orientar e servir da melhor maneira possível. Em viagens pela América do Sul, onde a maior parte é de passageiros brasileiros, mais de 25% da tripulação de atendimento vai ser de nacionalidade brasileira também. Em geral os funcionários são de diversas nacionalidades e isso facilita para que ninguém fique sem ser compreendido a bordo do navio.

Fique atento à viagens legais e curta muito o ventinho marítimo, a piscina deliciosa, as refeições preparadas com todo o cuidado e carinho para vocês e depois vem nos contar como foi sua experiência. Boa viagem!

- Publicidade -
COMPARTILHE

PUBLIQUE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite o seu comentário.
Por favor, informe o seu nome.