Treinamento de intubação orotraqueal para médicos é realizado em Mafra

Ao todo, 20 médicos que atuam na Secretaria de Saúde e UPA de Mafra, além de médicos do pronto atendimento de Rio Negro e Papanduva participaram desta capacitação para emergências

Por Gazeta de Riomafra - 09/04/2020

Na última sexta-feira 03, aconteceu o “Treinamento Intubação Orotraqueal e EPI’s (Equipamentos de Proteção Individual) e ventilação mecânica básica” nas dependências da UnC-Mafra, com o objetivo de capacitar médicos, tanto os já atuantes como os não atuantes em pronto atendimento, em procedimentos emergenciais para garantir as vias aéreas dos pacientes portadores de covid-19, como intubação orotraqueal, traqueostomia de emergência, ventilação mecânica, além de colocação/retirada segura de EPI’s.

Ao todo, 20 médicos que atuam na Secretaria de Saúde e UPA de Mafra, além de médicos do pronto atendimento de Rio Negro e Papanduva participaram desta capacitação para emergências.

O anestesiologista Ricardo Zanlorenzi foi o instrutor voluntário nesta ação e a organização do treinamento ficou a cargo da coordenadora médica da Atenção Primária em Saúde de Mafra, Juliana Malluta Caldas. “Esta capacitação foi um projeto lançado pela Associação Catarinense de Medicina, que contou com profissional voluntário (Ricardo Zanlorenzi), viabilizado pela Sociedade de Anestesiologia do Estado de Santa Catarina e pela coordenação de Medicina, na pessoa do médico.Vagner Marcolin Trautwein e Enfermagem da UnC-Mafra”, disse. Ela explicou ainda que o evento foi realizado “visando uma situação em que não queremos chegar, mas precisamos nos preparar e conseguirmos em equipe, com a graça de Deus, salvar mais vidas”.

DIFERENCIAIS

O convite foi estendido a municípios vizinhos, porém poucos puderam aderir pelo aumento da demanda que está ocorrendo nesta época. “A capacitação ocorreu em grupos pequenos de pessoas, respeitando o distanciamento entre os participantes e uso de EPI’s”, lembrou a médica.

A capacitação foi uma realização da Associação Catarinense de Medicina e Secretaria de Saúde de Mafra. Contou ainda com o apoio da UnC-Mafra e Sociedade de Anestesiologia do estado de Santa Catarina.

- Publicidade -
COMPARTILHE

PUBLIQUE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite o seu comentário.
Por favor, informe o seu nome.