Em audiência pública, Rio Negro elege as propostas do SUSCOM+

Na noite da quinta-feira, 11, no Clube Rionegrense, o MP/PR realizou a segunda audiência pública para dar as respostas e prestar contas acerca das medidas adotadas em relação aos problemas prioritários do sistema de saúde pública municipal

Por Gazeta de Riomafra - 15/07/2019

Em fevereiro do ano passado foi realizada em Rio Negro a 1ª audiência publica do “Programa Suscom+, participação da comunidade na construção da atenção básica” idealizado pelo Ministério Público do Paraná – MP/PR, onde a comunidade teve a oportunidade de eleger as prioridades da saúde no município. As prioridades eleitas foram a capacitação das agentes comunitárias da saúde e o aumento no número de agente para uma cobertura maior de regiões.

Na noite desta quinta-feira, 11, no Clube Rionegrense, o MP/PR realizou a segunda audiência pública para dar as respostas e prestar contas acerca das medidas adotadas em relação aos problemas prioritários do sistema de saúde pública municipal.

Segundo o Ministério Público a capacitação dos agentes comunitários foi realizada integralmente, já referente o aumento dos agentes o MP considera que o município atuou para cumprir o pleito, faltando apenas quatro agentes para serem contratados, onde um concurso público deverá ser feito até o fim do ano. No total teve um aumento de 20 agentes comunitários no município ficando apenas quatro regiões descobertas.

PROGRAMA SUSCOM+

O SUSCOM+ identifica, com base na participação ativa da população, as principais questões relativas a ações e serviços públicos na área da saúde pública existentes no município, além de articular com os setores governamentais e não-governamentais a elaboração de estratégias e práticas para serem implementadas.

- Publicidade -
COMPARTILHE

PUBLIQUE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite o seu comentário.
Por favor, informe o seu nome.