Quarta-feira 15 de janeiro de 2020

Publicado por Trombelhudo - 15/01/2020 - 00h08

Olá gente querida de Riomafra! Cá estamos nós em nosso primeiro encontro de 2020… Primeiramente, desejo a todos os meus leitores um próspero, venturoso e abençoado ano!

Que neste ano que se inicia, possamos noticiar e vislumbrar aqui nesta página, coisas boas e que nossos políticos e autoridades, se esperamos que não seja como sempre, um “ano novo com problemas velhos…” e que a sociedade que paga seus polpudos salários e os colocam no poder, governem pelo povo e para o povo e não seus interesses e do sistema, como vem acontecendo cada vez mais…

Ano de eleições municipais, espero que o povo de Riomafra acorde e não aceite conchavos e que nos seja enfiado goela abaixo candidatos que não estão nem ai com o povão e simplesmente porquê são apegados ao poder para seus próprios benefícios e seus grupos políticos…

Vamos ficar de olho desde o início do ano e cobrar mais qualidade e seriedade em nossos postulantes aos cargos públicos eletivos (prefeitos e vereadores). Riomafra tem que mudar!

E o que esperar lá de Brasília em 2020?

Pelo jeito, infelizmente de lá não podemos esperar coisas boas… Pois como cansei de escrever aqui a cada eleição que passa, a cada ano que passa, as coisas só pioram…

Sai ano e entra ano, eles fazem o que querem com o povo, ou seja, com o eleitor que coloca eles lá ganhando uma fortuna, na esperança de mudanças de melhorias para a sociedade, só que ao invés disso, eles desgraçam cada vez mais nossas vidas…

Mas por quê isto acontece e piora cada vez mais?

Porquê nós aceitamos… nada fazemos de fato para isto tudo mudar… simplesmente, aceitamos: urramos no Facebook, bradamos no Whattsap, rugimos no Twitter, relinchamos nos botecos da vida e fica tudo por aí mesmo! Na hora do “pega pra capar” baixamos a cabeça que nem gatinhos amestrados!

Chega na hora, simplesmente votamos, acreditando que vai melhorar e mudaremos o Brasil nas urnas! Mal informado que somos, cremos cegamente neste sistema que nunca vai mudar, nunca será de fato e de direito a favor do povo!

O que temos que fazer? Primeiramente nos informar melhor e entender que somos usados pelo o sistema para ele continuar firme e forte e nos sugando…

Segundo: nos politizar e tentar mudar tudo isto, mesmo que seja devagar, sem ódio e sem violência, mas sim, com o conhecimento e propriedade, mostrando que quem manda é povo e é para isto que eles são colocados lá, para servir o povo, para servir a sociedade.

Isto vai levar muito tempo? Vai sim, décadas, talvez até muito mais, mas uma nova mentalidade e cultura têm que começar a ser implantada, principalmente na cabecinha das crianças e jovens, eles sim serão os responsáveis pela verdadeira mudança! Mas depende de nós agora…

Que tal começarmos 2020, pensando e agindo diferente?

E por falar em 2020, o ano começou tenso, seja a nível mundial, nacional, estadual e municipal…

A nível mundial, aqueles dois loucos, o Donald Trump e o presidente do Irã Hassan Rouhani, começaram o ano malucos, parecem estar doidos começarem uma guerra mundial… E não adianta defender um ou o outro, quando há violência e trocas de fogo, ninguém tem razão! É pura briga pelo poder, poderio militar, petróleo, e o que é pior ainda, quando envolve fanatismo religioso…

Também ninguém me tira da cabeça que o Trump está aproveitando a situação o mais que pode, para se tornar o mocinho da situação e o povo americano e o Congresso esquecer o seu impeachment! Vai que cola né?

Ainda mais que o povo americano adora uma “guerrinha” para mostrar que são os “fodásticos” no planeta!

Mas toda esta violência a nível mundial e até local, aumenta assustadoramente, demonstra que cada vez mais, o mundo está mais intolerante com tudo… Desta forma, o ódio e a violência parece que vão tomando conta da humanidade… Para onde caminharemos?

Sinais de que estamos nos afastando cada vez mais do criador (Deus) e nos aproximando cada vez mais das trevas!

Bem, a nível nacional, já comentei acima… À nível estadual, o ano começou “bombando” principalmente em Santa Catarina…

Onde o defensor público estadual, Ralf Guimarães Zimmer Junior, protocolou nesta segunda-feira (13) na Assembleia Legislativa (Alesc) pedido de impeachment contra o governador Carlos Moisés da Silva, a vice Daniela Reinehr e o secretário estadual da administração Jorge Eduardo Tasca.

O procurador aponta crime de responsabilidade dos agentes públicos na concessão de aumento salarial aos procuradores do estado por “decisão administrativa”. A categoria obteve decisão judicial favorável ao aumento, equiparando seus vencimentos ao salário de procurador da Alesc.

O governador emitiu nota se defendendo e diz que a coisa não é bem assim e está amparado pela lei, onde já teve decisão judicial sobre o tema.

Vamos aguardar o desfecho da história, porém agora o governador terá testado sua força política junto a Alesc.

Já a nível municipal, será que em Riomafra os problemas antigos serão resolvidos neste ano, ou o velho lema: “ano novo e problemas antigos” continuará sendo a realidade dos riomafrenses?

Problemas como, trânsito, terceira ponte, falta de infraestrutura, descontinuidade em ações e obras (daquilo que foi começado e não terminado)?

Como por exemplo em Mafra, a sede original da Prefeitura, largada as moscas… virou ponto de “fumo”, totalmente abandonada nas mãos dos desocupados onde fazem o que querem naquele imóvel público?

Mas enfim, em que situação está aquilo? De quem afinal é a responsabilidade deste imóvel? Da Prefeitura ou da Câmara que há anos atrás disse que iria chamar para si a responsabilidade e fazer sua futura sede lá?

Só que pelo jeito mudou o presidente do legislativo e a Câmara abandonou a ideia, até por achar que o custo seria muito alto para encampar a ideia. Dizem que só a troca do telhado já custaria uma fortuna…

Tá! Mais o abandono não se justifica, tanto pelo legislativo, quando para o executivo… Afinal é um patrimônio histórico que está se degradando. Além do mais, ali foi o início da história de Mafra… Portando mais responsabilidade, tanto com nosso patrimônio quanto nossa história e cultura, senhores!

Outra coisa é o tal imóvel da Cultura, antiga Câmara, também parece que está ficando precário… Mais um imóvel histórico que não podemos deixar se acabar!

E tal da Master que virou Sadia? Será que não vem uma outra empresa no lugar, como por exemplo, um frigorífico da JBS por exemplo? Seria uma boa ideia né?

Já em Rio Negro, parece bem mais complicado, sai ano e entra ano, com os mesmos problemas e perdas dos anos anteriores… Todos já sabem de cor, pois a quase oito anos, nada mudou… Cadê a melhoria na segurança? Cadê os novos policiais? A saúde parece cada vez pior, cadê os postos? Cadê a maternidade pública que fechou a mais de sete anos e nunca mais abriu? E agora cadê a UPA que vai virar centro de saúde e sai lá o que? Onde veio a RPC e novamente Rio Negro manchete negativa em todo o estado??

Cadê as novas empresas que há anos não vemos nenhuma de expressão vir para cá? Muito pelo contrário saiu várias daqui…

Até o banco Itaú e Justiça do Trabalho perdemos para Mafra? Até quando?

Ano novo e problemas antigos sempre são a máxima em Rio Negro.

Gente! Por hoje ficamos por aqui… Um grande amplexo a todos e cuidem melhor ainda em 2020! Até a próxima!

- Publicidade -

ENVIE UM COMENTÁRIO

IMPORTANTE: O Click Riomafra não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários publicados pelos seus usuários. Todos os comentários que estão de acordo com a política de privacidade do site são publicados após uma moderação.